Escreva para pesquisar

BOLA DA VEZ

Richard Magrath – diretor executivo do Grupo Orthopride

Compartilhar

O Grupo Orthopride vem investindo fortemente na contratação de embaixadores. Depois de Caio Castro e Gabriel Medina, de olho no público masculino para Orthopride, a atriz Taís Araujo foi anunciada como novo rosto para a marca Bodylaser. Lançada em 2020, logo no começo da pandemia, a marca conta com 50 unidades em atividade e ultrapassou as 150 franquias vendidas que, em sua maioria, serão abertas até o final de 2021. O plano de expansão prevê  200 unidades abertas até o final de 2022, em vários estados.

 

A ações de comunicação estão direcionadas para o meio digital e o grupo também investe em capacitação de profissionais. “Foram destinados R$ 5 milhões para a construção de um centro de treinamento no Rio de Janeiro, que em breve estará em funcionamento”, conta Richard Magrath,  diretor executivo do Grupo Orthopride.

 

VoxNews – Como o Grupo Orthopride analisa a experiência de marca através dos embaixadores?

Richard Magrath De forma geral, é muito positiva. Há um histórico muito importante, no caso, com o ator Caio Castro e o surfista Gabriel Medina com Orthopride. Ambos ajudaram a construir a personalidade da marca, a falar com o nosso público-alvo principal, que são os jovens entre 15 e 25 anos, que enxergam os dois como figuras aspiracionais. E, a partir daí, expandimos esse trabalho para a Bodylaser, com a atriz Taís Araujo.

 

VoxNews – As ações com a Taís Araújo para Bodylaser, por exemplo, já ajudou a aumentar as vendas?

Richard Magrath Sem dúvida as ações com a Tais Araujo e Bodylaser já iniciaram o aumento das vendas para os clientes finais e, obviamente aceleraram ainda mais a procura por franquias. Avaliamos que foi o casamento perfeito de um posicionamento de empresa, de marca, com uma pessoa que tem valores exatamente similares aos nossos.

 

VoxNews – Como é a relação do grupo com os embaixadores? Como funciona?

Richard Magrath A ação do grupo com os embaixadores é sempre de extrema transparência e parceria. O conteúdo é desenvolvido sempre a quatro mãos, da marca junto com o embaixador. Obviamente alguns se envolvem mais que outros. Mas as personalidades acabam se completando. Um exemplo: a Bodylaser é muito alinhada com posicionamento como pessoa e como embaixadora da Tais Araujo. Já Gabriel Medina e Caio Castro puxam muito dos mesmos atributos de marca da Orthopride.

 

VoxNews – Estamos em um longo período convivendo com as consequências da COVID-19. Como o público do Grupo se comportou? Houve alguma queda ou incremento na procura por cuidados voltados para a estética?

Richard Magrath O público, por conta das ondas da Covid, obviamente teve comportamentos oscilantes. Houve um primeiro período,  a primeira fase da pandemia e recuo completo, especialmente na depilação a laser que estava iniciando. A ortodontia se manteve um pouco mais estável, em baixa, porém mais estável porque  é um serviço essencial. As pessoas com toda a proteção e protocolos  sanitários, buscavam a manutenção dos tratamentos, enquanto outros intensificaram a procura para tratamentos de forma emergencial. Todas as nossas clínicas atuando com extremo cuidado de higiene.

Houve depois um boom de procura entre a primeira e segunda fase da pandemia. Isso corresponde ao período de julho até novembro do ano passado com uma procura enorme na ortodontia e depilação a laser. Depois, houve  uma baixa novamente no final do ano, com uma nova fase da pandemia e agora já identificamos uma curva de aceleração.

 

VoxNews – Qual a expectativa do grupo para esse ano de 2021?   

Richard Magrath A previsão é terminar o ano com 200 Orthopride funcionando; 100 Bodylaser em funcionamento e, ao menos, umas 25 unidades de Face2Face. A expectativa é boa e faz parte do nosso negócio ajudar também o país, a cidade, na retomada do emprego e da atividade econômica.

 

Tags:

Deixe um Comentário