OpusMúltipla em defesa da vida na nova campanha educativa

22/01/2014

Dados da Polícia Rodoviária Federal e da Polícia Rodoviária Estadual registraram números alarmantes de acidentes e mortes no trânsito no último ano. Somente entre o Natal e Réveillon de 2013 foram 925 acidentes, com 703 feridos e 44 mortos. Por isso, o Governo do Paraná e o Departamento de Trânsito do Paraná–DETRAN/PR começam a veicular nesta semana a campanha educativa desenvolvida pela OpusMúltipla), que tem como conceito principal a valorização da vida.

Utilizando a estética de documentário, os roteiros elaborados contam as histórias de três pessoas, cidadãos reais com dramas particulares, mas em comum o fato de estarem à espera de um doador compatível para transplante de órgão.
Os personagens Luiz Carlos (há quatro anos aguardando um doador compatível de fígado), Carmen e Willian (foto-ambos esperando por um doador compatível de rim) mostram as suas batalhas cotidianas pela vida. Em paralelo, defendem uma postura paciente, prudente e consciente no trânsito.

“É uma campanha forte, porque permitiu trabalhar dois temas muito relevantes numa mesma ideia. Ao mesmo tempo em que alerta para os perigos do trânsito, como o uso de álcool, velocidade e transporte inadequado de crianças, reforça o apelo para aumentar o número de doadores de órgãos”, diz o vice-presidente de criação do Grupo OM, Renato Cavalher.

  • compartilhe: