FCB, Petrobras e Ricardo Hoffmann

17/04/2015

Mario Cesar Carvalho, da Folha de S. Paulo, cita como fonte a matéria do blog “O Antagonista” na matéria sobre a FCB Brasil, que mandou a produtora O2 depositar 311 mil reais em propina na conta da empresa de fachada de André Vargas:

“O pagamento foi feito em 26 de fevereiro do ano passado, no mesmo dia em que a FCB conquistou uma conta de R$ 110 milhões da Petrobras. A FCB Brasil pediu que a produtora O2 Filmes Publicitários fizesse o pagamento por ela. O envolvimento da agência no suposto esquema de desvios da estatal foi revelado pelo site O Antagonista nesta sexta-feira”.

Mario Cesar Carvalho acrescentou uma informação extremamente importante:

“A Folha apurou que a conta da Petrobras foi conquistada com ajuda do publicitário Ricardo Hoffmann, que foi vice-presidente da agência Borghi Lowe em Brasília e atendia duas contas do governo (Ministério da Saúde e Caixa Econômica Federal), cujos contratos somam cerca de R$ 140 milhões. A FCB Brasil e a Borghi Lowe pertencem ao mesmo grupo, o Interpublic”.

  • compartilhe: