Walter Longo testa o Google Glass

28/05/2013

Walter Longo, mentor de Estratégia e Inovação do Grupo Newcomm e presidente da agência New Energy, é um dos poucos nomes no Brasil a testar a versão Explorer do Google Glass, gadget futurista que deve chegar às lojas dos Estados Unidos no fim de 2013. Por enquanto, foram colocadas à venda no mercado americano apenas 2 mil unidades do dispositivo e para comprar uma delas era preciso se registrar no Google I/O 2012, evento voltado para desenvolvedores.

Segundo Longo, a sensação de usar o Google Glass é de que o futuro é agora. “Quando toquei em um telefone sem fio pela primeira vez, senti que era uma inovação disruptiva. A sensação com o Google Glass é a mesma”, comenta. Os óculos do Google vêm com um computador acoplado, com conexão Wi-Fi e Bluetooth, e permitem ao usuário tirar fotos, fazer vídeos e ligações telefônicas, buscar rotas de trânsito e ter acesso a diferentes conteúdos de realidade aumentada. Eles têm capacidade de 12 GB de armazenamento interno e podem ser ativados por comandos de voz e toque.

  • compartilhe: