Eletrobras rescinde contrato com o Vasco

21/02/2013

O casamento entre o Vasco e a Eletrobras  terminou em divórcio. No último dia 13, foi publicado no Diário Oficial da União  (nº 29, seção 3) que a Eletrobras rescindiu seu contrato de patrocínio com o  clube. Segundo o texto, o rompimento teria ocorrido no dia 7 de fevereiro. O  clube foi ainda multado em R$ 392 mil (0,7% do valor total do contrato) por não  ter cumprido algumas regras contratuais estabelecidas no acordo.

A parceria, iniciada em julho de 2009, rendeu  ao Vasco R$ 14 milhões por ano (mais de R$ 60 milhões, com a correção). A  estatal cumpriu com suas obrigações previstas no acordo e quitou recentemente a  última parcela (R$ 8.017.622,96) do contrato que teria validade até 14 de julho  de 2013. O diretor geral do Vasco, Cristiano Koehler, está estudando o caso com  o departamento jurídico do clube.

Notícia do Jogo Extra, do jornal Extra.

  • compartilhe: