Skol distribui Apito de Respeito no Carnaval

22/02/2017

 

Ano passado, Lia Marques viu uma mulher sendo assediada no Carnaval e resolveu não se calar. Com a ajuda das amigas Marina Gabos e Amanda Cursino, sugeriram que outras mulheres utilizassem um apito para se protegerem dos assédios.

Esse ano, a F/Nazca propôs para Skol apoiar as meninas e amplificar a ação pelo país. Depois de São Paulo, chega a vez de Salvador, Recife e Florianópolis receberem o #ApitoDeRespeito que serão distribuídos para os foliões incentivando o respeito na festa.

  • compartilhe: