Propeg alerta sobre transporte clandestino

18/07/2013

Viajar de ônibus pelo Brasil pode ser uma ótima alternativa, mas pegar transporte irregular na hora de fazer essa viagem pode trazer sérios riscos à segurança do consumidor. O resultado disso é percebido nas estatísticas: nas estradas a maioria dos acidentes envolvem veículo piratas, já que esse tipo de transporte não segue as regras de segurança cobradas pela ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres).

Pensando nisso, a ANTT, o Ministério das Cidades e o Ministério dos Transportes lançam uma campanha, assinada pela Propeg, para conscientizar os consumidores antes de comprar a passagem. Traz o conceito “Quem viaja de transporte pirata pode ficar pelo meio do caminho. Não embarque nessa”.

A campanha é composta por anúncios, filme e peças de internet.

FICHA TÉCNICA:

Agência: Propeg Comunicação SA
Cliente: Ministério das Cidades
Campanha de Combate ao Tranporte Clandestino
Direção de Criação: Ana Luisa Almeida e Maurício Passarinho
Criação: Maurício Passarinho, Cezar Martini e Gustavo Simões
Coordenação de Criação Digital: Seiki Fabrício
Direção de Arte Digital: Vinícius Santos
Direção de Atendimento: Renata Sanchez
Atendimento: Adriana Mercadante e Jorge Bueno
Atendimento Web: Manoela Nodari e Lucas Mendonça
Planejamento: Melina Romariz, Mylene Alves e Rafael Freaza
Mídia: Neide Santos, Cecília Crespo e Raila Moura
Mídia Web: Carlos Alencastro
Produção Gráfica: Magali Iwata
Finalização: Jean Carlos
Revisão: Denise Goulart
Produção RTV: Lívia Utsch
Produtora: Brokolis do Brasil
Direção do comercial: Conrado Almada
Trilha Sonora: Ritmika
Fotografia: Lumini Fotografia
Aprovação: Marcier Trombiere, Juliana Cajado e Cissa Pires

  • compartilhe: