Produtora independente brasileira ganha prêmio no Emmy pela 1ª vez

21/11/2012

A série “A Mulher Invisível”, de Claudio Torres e Guel Arraes, foi uma das vencedoras do Emmy Internacional, realizado na noite desta segunda-feira (19/11). Considerado o Oscar da TV, a coprodução da Conspiração e da Rede Globo ganhou na categoria Comédia. É a primeira vez que uma produtora independente brasileira ganha prêmio de dramaturgia no Emmy Internacional, o mais importante da TV mundial.

A equipe da Conspiração foi para Nova York conferir a cerimônia da 40ª edição do International Emmy Awards. Claudio Torres, diretor da série, Luiz Noronha, Diretor Executivo de TV, Gil Ribeiro, Diretor Geral da produtora, Ricardo Rangel, Diretor de Operações e Cecília Grosso, diretora de produção da série, estavam presentes na premiação.

“A Mulher Invisível” foi ganhadora em uma das categorias mais importantes da premiação – a comédia – derrotando produções de destaque como as séries “Absolutely fabulous”, um ícone do humor na TV britânica feita pela BBC e “Spy”, ambas do Reino Unido, e “What if?”, da Bélgica.

  • compartilhe: