Escreva para pesquisar

MÍDIA

Nova direção da Record pede trégua ao Ibope

Compartilhar

Record e Ibope fizeram as pazes. Pelo menos por enquanto. A Folha apurou com fontes do instituto de pesquisa que a nova gestão da emissora pediu uma trégua ao presidente do Ibope, Carlos Augusto Montenegro, a fim de estreitar relações e desfazer rusgas do passado.

O novo vice-presidente artístico da emissora, Marcelo Silva, é um dos responsáveis pela reaproximação do canal com o instituto, alvo de reclamações, processos e até denúncias nos jornalísticos da emissora durante a gestão do ex-VP do canal, Honorilton Gonçalves.

O próprio Montenegro foi alvo de reportagem com tom de “denúncia” no “Domingo Espetacular”, da Record, que questionava a origem da fortuna do empresário. Em junho de 2012, a Record moveu ação judicial contra o Ibope, protestando contra supostos erros (ainda que mínimos) de medições. A emissora venceu o processo em primeira instância.

Para o Ibope ficou claro, nas recentes conversas com a direção da Record, que o sucessor de Gonçalves não pretende manter o clima bélico da gestão anterior, nem questionar os dados do instituto com agressividade. Tanto é que a Record encomendou um novo pacote de pesquisas ao Ibope, para ajudar na reestruturação da programação do canal.

Da coluna Outro Canal, da Folha de S. Paulo

Deixe um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *