Nestlé apresenta queixa contra propaganda da Danone no Conar

04/10/2013

Duas gigantes do setor de alimentação estão em guerra no Conar, o Conselho de Autorregulamentação Publicitária. A Nestlé apresentou ao órgão queixa sobre um vídeo divulgado pela Danone no YouTube em que um menino diz que gosta mais do iogurte da marca do que dos próprios pais. A denúncia diz que a propaganda não respeita a ingenuidade e a falta de capacidade de discernimento da criança. E afirma que o produto não pode sequer ser consumido por ela, que tem no máximo dois anos. Por isso, a publicidade seria enganosa.

O vídeo tinha mais de 1 milhão de visualizações até ontem. Foi postado pela família do garoto e depois copiado pela Danone, que o colocou em seu site afirmando que a iniciativa não teve “nenhum tipo de apoio e patrocínio”. O Conar, no entanto, entende que o conteúdo veiculado em páginas oficiais de uma empresa é publicitário e por isso levará o caso a julgamento. A Danone diz que ainda não foi notificada.

Da coluna da Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo

  • compartilhe: