Escreva para pesquisar

DIGITAL

Globo Lab chega ao fim e escolhe websérie para o Gshow

Compartilhar

IMG_5681

Diego Tavares foi um dos jovens roteiristas que tiveram seu projeto selecionado entre mais de 1,2 mil para as etapas finais do Globo Lab. Ele passou por workshops, mentoria e, depois de um pitching da banca avaliadora que reuniu Marcius Melhem, Adriana Falcão, Rosane Svartman e Gustavo Gontijo, soube que foi escolhido para produzir sua websérie para o GShow. Para o público, o vencedor foi revelado nesta terça-feira, 19, no último episódio de um reality show que mostrou os bastidores do processo de cocriação, desde a semifinal do Globo Lab. O capítulo está disponível em www.globouniversidade.com.br.

O Globo Lab foi criado para promover a escuta e a troca de experiências com a nova geração de produtores do audiovisual, além de identificar talentos criativos, fomentar a cocriação e a experimentação de linguagens e formatos. Para o desenvolvimento dos projetos, os participantes contaram com mentores como Carlos Gregório, Celso Taddei, Claudia Sardinha e Daniela Ocampo. Nas semifinais, ainda estiveram em um workshop que teve a participação de Marcius Melhem, Mauricio Farias, George Moura, Marcelo Adnet e Adriana Falcão. A partir de agora, o roteiro da websérie ‘Saideira’ entrará em produção para exibição no Gshow.

Para Sérgio Valente, diretor de Comunicação da Globo, esse foi um projeto de oportunidades, não só para os participantes. “O Globo Lab é um sucesso porque sabemos que, quanto mais jovem se é, mais conhecimento se quer acumular, experimentar e descobrir. E o que vimos com o Globo Lab é exatamente isso: jovens talentosos absorvendo informação, aprendendo e, é claro, ensinando também”, diz o diretor, esclarecendo que o projeto não visa identificar novos roteiristas ou atuar na formação, mas sim trocar e abrir espaço para o aprendizado.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *