Fim de ano do Itaú com criação de Nizan Guanaes

14/12/2015

Frame 1

“É lindo ver o mundo se tornar digital. Mas todos nós precisamos vigiar pra que ele nunca deixe de ser humano e pessoal”. É assim que Fernanda Montenegro inicia a locução do novo comercial de final de ano do Itaú. Com versão estendida de 2 minutos, o filme criado por Nizan Guanaes, fundador da Africa e do Grupo ABC, passa uma mensagem inspiradora e convida as pessoas a refletirem sobre a importância das relações humanas.

Com trilha sonora do vencedor do Oscar, Alan Silvestri, o filme traz o tradicional tom emocial das campanhas de final de ano do banco. De acordo com Eduardo Tracanella, superintendente de marketing do Itaú, ““Cada vez mais a relação das pessoas com as marcas será pautada por identificação. O desafio é construir mensagens que tragam um ponto de vista relevante e inspirador. Que seja mais sobre as pessoas e menos sobre a marcas. Ao longo de 2015 reforçamos nossa atuação no mundo digital. Neste final de ano, queremos passar uma mensagem positiva e inspiradora sobre a importância das relações humanas. Somos um banco digital, pessoalmente feito para as pessoas.” Criação da Africa.

  • compartilhe: