Cannes lança Glass Lion

02/03/2015

O Estadão, representante oficial do Cannes Lions Festival Internacional de Criatividade, anuncia que a organização do evento lança hoje o Glass Lion: The Lion for Change (em tradução livre, “Leão de Vidro: O Leão para a Mudança”). O novo prêmio, que conta com o apoio da LeanIn.Org, reconhecerá especificamente trabalhos que desafiam o preconceito de gênero e quebram imagens estereotipadas de homens e mulheres que permanecem enraizadas em mensagens de marketing.

Cindy Gallop, fundadora e CEO da IfWeRanTheWorld/MakeLoveNotPorn e ex-fundadora da BBH New York, foi nomeada presidente do júri dessa primeira edição. O Glass Lion está sendo lançado com o suporte ativo da LeanIn.Org.

“O Festival é reconhecido como uma referência global de excelência criativa. Criatividade tem o poder de mudar a cultura, e no resto do mundo, de uma forma profundamente positiva. Desta forma, premiar os trabalhos criativos que lutam para a (des)representação do gênero na comunicação de marketing é algo que esperamos que venha a resultar em uma mudança real em toda a indústria e sociedade”, comentou Philip Thomas, CEO do Lions Festivals.

Toda a receita das taxas de inscrição do Glass Lion será revertida para um programa que promove e permite a criação de um cenário de mídia de gênero neutro. Os detalhes deste programa serão anunciados ao longo das próximas semanas. A intenção é de que o Glass Lion evolua nos próximos anos para incluir outras questões globais, culturais e sociais.

A introdução do prêmio surge na sequência do lançamento de 2014 do See It Be It; a iniciativa do Festival que visava acelerar a carreira das mulheres criativas na publicidade. “Até o momento, uma voz predominantemente do sexo masculino domina a criação de muitas mensagens de marketing. É importante diversificar o futuro financeiro da indústria ao aplicar a criatividade para capturar os corações e mentes da maior base de consumidores no mundo – as mulheres. Isso vai exigir um pool de talentos com equilíbrio de gênero”, explica Senta Slingerland, diretora de estratégia de marca da Lions Festivals.

  • compartilhe: