Caito Ortiz, diretor da Prodigo Films, lança seu 1º longa de ficção

24/10/2013

Caito Ortiz, diretor da Prodigo Films, lança hoje, dia 24, Estação Liberdade na 37ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo. É o primeiro longa-metragem de ficção do diretor. O filme conta a história de Mario Kubo, 35 anos, brasileiro por direito, nascimento e documento. Terceira geração de descendente de japoneses (sansei), não tem nenhum contato com a cultura de seus avós, não fala a língua natal da família, tampouco segue filosofias orientais. Em crise no trabalho e no casamento com Elvira, Mario não tem filhos nem planos. Totalmente ocidentalizado, o protagonista se depara com o seguinte dilema: não se sente brasileiro, muito menos japonês.

Logo após o terremoto de 2011 que assolou o Japão com a grande tsunami, Mario recebe uma carta. Toda escrita em ideogramas japoneses – o que o impede de saber seu conteúdo -, a mensagem é carregada por ele a todo canto. Nesse momento, Mario parece despertar de um longo sono. Essa sua sensação de desencaixe o impulsiona a uma busca perigosa. Primeiro, pelo bairro da Liberdade. Depois…, só assistindo ao filme:
Serviço:

Exibições na Mostra:
Dia 24/10, quinta, às 21:30h, Espaço Itaú de Cinema – Frei Caneca 3
Dia 25/10, sexta, às 19:50h, Cine Livraria Cultura 1
Dia 30/10, quarta, às 17:20h, Espaço Itaú de Cinema – Frei Caneca 1
Dia 31/10, quinta, às 21:50h, Espaço Itaú de Cinema – Frei Caneca 5

  • compartilhe: