Band e Danilo Gentili devem brigar na Justiça

29/01/2014

A Band não engoliu a ida de Danilo Gentili para o SBT e pretende mover dois processos judiciais contra o humorista. A Folha apurou que a emissora pretende receber na Justiça a multa rescisória (de valor não revelado) de Gentili, que tinha contrato com a Band até o início de 2015. O humorista deixou o canal em dezembro rumo ao final de noite na emissora de Silvio Santos.

A Band, ao lado da produtora argentina Cuatro Cabezas, também pretende acionar o humorista por plágio, caso do seu novo programa no SBT siga os mesmos moldes de “Agora É Tarde”, sua ex-atração na emissora. Com exceção de Marcelo Mansfield, toda a equipe do “Agora É Tarde”, incluindo o grupo Ultraje à Rigor e os humoristas Léo Lins e Murilo Couto, migraram com Gentili para o SBT.

Gentili, por sua vez, sinaliza não querer confusão com os ex-patrões, mas não descarta também brigar na Justiça pelos direitos do “Agora É Tarde”, que ele diz ter ajudado a criar. A Band pretende retomar o “talk-show” em fevereiro, com o mesmo formato, sob o comando de Rafinha Bastos. Gentili quer propor um acordo para o pagamento da multa contratual. A Band e o humorista não comentam o assunto.

Da coluna Outro Canal, da Folha de S. Paulo

  • compartilhe: