Escreva para pesquisar

PUBLICIDADE & MARKETING

Banco de Livros prende escritores famosos

Compartilhar

O que obras de autores gaúchos como Luís Fernando Verissimo, Fabrício Carpinejar, Luís Augusto Fischer e Martha Medeiros têm em comum com as de Fernando Pessoa e Dostoiévski? Muitas delas estão paradas em prateleiras sem serem lidas. Pensando nisso, a Escala criou uma campanha para incentivar a doação de livros para o Banco de Livros. A ideia foi mostrar que é preciso fazer as obras circularem, não as deixando presas na estante.

A partir deste fato, a campanha trouxe imagens de diversos autores presos, nas clássicas fotos de frente e de perfil, como se estivessem sendo fichados pela polícia. Na placa de identificação, o nome do autor e a data em que foi aprisionado em alguma estante. O texto convoca os gaúchos para a doação e libertação dos escritores: ‘Liberte seus autores da estante. Doe livros’. Todas as peças da campanha, composta por anúncios, comercial de TV, rádio, cartazes e internet, indicam ainda os postos de coleta. Entre eles, a tradicional Feira do Livro de Porto Alegre.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *